VOLTAR

Como escolher a melhor plataforma de biblioteca virtual?

Uma plataforma de biblioteca virtual oferece diversas vantagens. Mas é preciso encontrar a melhor opção para sua IES. Veja dicas para escolher a BV ideal.

Publicado em 23/04/2021

biblioteca virtual tem se consolidado entre as tecnologias mais procuradas e recomendadas na digitalização e modernização de instituições de ensino superior. Esse tipo de plataforma ajuda a agregar diversos diferenciais para captar e fidelizar alunos e a proporcionar mais acessibilidade e inclusão nos ambientes oferecidos aos estudantes pela IES.

No entanto, é importante considerar alguns pontos fundamentais no momento de escolher a plataforma ideal para sua IES, levando em conta as prioridades de seu projeto de biblioteca digital e os diferenciais de cada solução. 

Continue a leitura e descubra alguns aspectos essenciais para avaliar na hora de buscar pela melhor plataforma de biblioteca virtual para sua instituição. Acompanhe a seguir. 

1. A plataforma de biblioteca virtual deve oferecer um vasto e atualizado acervo de e-books 

Quanto mais diversificada a variedade de livros digitais, mais a biblioteca virtual torna-se útil, relevante e atrativa. É importante considerar o tamanho e a qualidade do acervo

Ele deve incluir desde os títulos de bibliografia obrigatória dos cursos até opções de leituras complementares e e-books que estimulem a criatividade, a atualização mercadológica e cultural dos estudantes. 

A melhor plataforma de biblioteca virtual também é aquela que não é estática, que está sempre oferecendo novidades e novos títulos para manter o acervo moderno e atrativo para os alunos. 

2. É essencial que a plataforma atenda aos requisitos do MEC 

Para que a biblioteca virtual realmente esteja dentro dos parâmetros cabíveis, é fundamental verificar se ela está em conformidade com os requisitos do Ministério da Educação (MEC) e reconhecida e aprovada pelo órgão. 

3. Integração com outros sistemas utilizados pela IES é importante em uma biblioteca virtual 

É importante que a plataforma de biblioteca virtual escolhida permita a integração com outros sistemas já utilizados pela instituição de ensino superior. Isso facilita a implementação e a adoção da tecnologia, potencializando seus resultados na prática.

Isso inclui a intranet e os sistemas LMS (Learning Management System ou Sistema de Gestão da Aprendizagem) da instituição. Com essa integração, os processos tornam-se mais ágeis e fluidos, e a experiência mais intuitiva e satisfatória para os usuários. 

4. A plataforma também deve contar com recursos de acessibilidade 

A acessibilidade no ensino superior não apenas é esperada como também deve ser um pré-requisito. Só assim é possível assegurar inclusão e equidade nas oportunidades de aprendizado. 

Por isso, uma plataforma de biblioteca virtual que esteja projetada a partir desse pilar pode se tornar um diferencial importante no projeto de acessibilidade da IES. 

Essa solução pode incluir diversas opções de configuração. Por exemplo, há recursos pensados para quem tem problemas parciais ou totais de visão. Há também usabilidade facilitada especialmente para deficientes intelectuais e de mobilidade. 

Além disso, há funcionalidades que ajudem a aproximar e incluir os alunos que demandam cuidados especiais para estudarem, se integrarem e se sentirem acolhidos em sua instituição de ensino. 

5. A solução ideal deve ter foco na experiência do usuário 

Uma plataforma que tenha um foco na experiência do usuário, oferecendo responsividade em qualquer que seja o dispositivo ou sistema operacional utilizado por ele, é fundamental para que a tecnologia realmente conte com a adoção e o nível de uso esperados. 

Ainda, a plataforma deve ser de fácil navegabilidade e apresentar recursos que tornem a experiência mais interativa e satisfatória. 

Isso pode incluir, por exemplo, um sistema de busca avançada, cartões de estudo, opções para marcar e compartilhar com colegas trechos dos livros digitais, leitura offline e outras. 

6. Catalogação com Marc 21 é um fator desejável na melhor plataforma de biblioteca virtual 

O principal objetivo do Marc 21 é ser um formato padrão para qualquer tipo de registro bibliográfico e catalográfico em uma forma legível por máquina e servir de base para as instituições que o utilizam. 

Adotar uma biblioteca virtual que tenha seus arquivos catalogados com este formato em sua plataforma permite que as pesquisas sejam feitas entre acervos físicos e virtuais dentro da instituição. 

Isso facilita, por exemplo, a busca por obras e entrega uma experiência mais completa para os alunos. 

7. A plataforma deve oferecer recursos para a gestão e mensuração de seu uso na IES 

Para avaliar o sucesso da adoção, ter insights e tangibilizar o retorno do investimento, é importante também que a plataforma ofereça acesso a dados, por meio de relatórios gerenciais e gráficos analíticos sobre diferentes aspectos do uso e do engajamento dos usuários com a biblioteca virtual. 

Agora que você já sabe o que é importante considerar para escolher a melhor plataforma de biblioteca virtual, conheça mais sobre os diferenciais da Biblioteca Virtual da Pearson.

Compartilhe nas redes

Afinal, qual é a melhor biblioteca virtual em Saúde?

Como escolher a melhor biblioteca virtual em Saúde? A Pearson pode ajudar sua IES a tomar uma boa decisão nesse sentido. Saiba mais!

LEIA SOBRE

8 competências que uma biblioteca digital exige do bibliotecário

Você sabe quais são as competências que uma biblioteca digital exige do profissional de Biblioteconomia? Venha conosco e descubra agora!

LEIA SOBRE

5 recursos essenciais para uma biblioteca virtual

Confira a lista com os principais recursos que uma biblioteca virtual deve oferecer. Se você é gestor de IES ou bibliotecário, fique por d...

LEIA SOBRE